____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

O Dia Que o Apresentador do Balanço Geral Oloares Ferreira Cometeu Um dos Maiores Erros da Sua Vida

O apresentador da TV Record Oloares Ferreira cometeu na semana passada o seu maior erro como apresentador de televisão. Oloares passou para os telespectadores informações falsas que macularam a honra da família de um estudante que morreu em um acidente de trânsito no setor faiçalville em Goiânia.


De acordo com que o blog apurou Bruno Borges Sousa Aguiar dirigia um Fiesta, de cor preta na Avenida Madri, Setor Faiçalville, em frente ao Sesc,  quando foi fechado por uma camionete,  perdeu o controle do veículo e bateu em uma árvore. 

Oloares abriu o Balanço Geral com imagens do cinegrafista sendo agredido pela mãe do jovem,  que em estado de choque,  não queria que ela e o filho morto fossem filmados. Em momento de dor e desespero,  a vontade da mãe deveria ser respeitada, embora a agressão não se justifique. Agressão maior saiu da boca do apresentador,  que "inventou"  mentiras sobre o jovem morto no acidente.


Oloares disse: "Eu começo o Balanço Geral especial deste sábado mostrando a reação da família de uma pessoa, de um criminoso que já estava cumprindo pena em regime semi-aberto que morreu em um acidente de trânsito". Há informação que este rapaz, esse Bruno, estaria sendo perseguido pela polícia militar quando perdeu a direção, bateu na árvore e morreu.

Coronel da PM comete erro e Faz Oloares Ferreira Cometer Crime 

Ao divulgar uma informação falsa, mesmo que tenha recebido esta informação da PM, Oloares cometeu um crime e pode ser processado pela família do jovem e pode ser condenado a pagar indenização por danos morais por ter veiculado uma notícia que continha informação falsa.

 A polícia Militar errou em passar uma informação falsa e Oloares cometeu crime por divulgar a informação falsa. 



O cel Divino Alves já assumiu o erro da PM e pediu desculpas a família. Justificando  se tratar de homônimo. Não justifica. O erro  foi grave e condenável.



O erro da PM foi amplificado milhares de vezes pela ênfase que o apresentador deu ao caso. Foi um massacre público a honra do jovem e a dignidade da família. Algo que nem a Justiça pode reparar . A dor da perda foi multiplicada pela dor da calúnia e da mentira. Algo que não dói no corpo, mas dói na alma das pessoas da família.



A Polícia Civil informou que o jovem não tem nenhuma passagem pela polícia e portanto não estava cumprindo pena no regime semi-aberto. A PM desmentiu a informação de perseguição.

Uma tia do jovem morto,  Walkiria Maria Sousa Aguiar, escreveu uma mensagem que foi postada no facebook de Alessandra Souza, prima do jovem que morreu. Alessandra mora em Londres e entrou em contato com o blog relatando o drama da família.

Acompanhe o relato da tia de Bruno.

Estudante Morto em Acidente
Um absurdo essa reportagem e os fatos narrados são falsos (caluniosos), quando fora abordada pela reportagem, quem agrediu foi o repórter cinematográfico 'a mãe do Bruno, e ela perdeu a cabeça porque desrespeitaram sua dor, por isso da agressão ocorrida e com toda razão, pois saibam todos, que o BRUNO é um RAPAZ DE OURO, estudioso (faz faculdade), trabalhador, carinhoso e feliz, simplesmente ocorreu uma fatalidade. E a mãe estava no local e mexeu no veiculo, por força de mãe, porque havia o outro filho no carro, assim ela foi socorrer na hora do desespero, dar assistência para os dois filhos Bruno (23 anos) e Felipe. (11 anos). NOSSA INDIGNAÇÃO DESTA REPORTAGEM MENTIROSA (digo, repórter), na sua própria narração, o mesmo informa que a policia não confirma perseguição, como também que o BRUNO tem problemas com a justiça.
MESMO ASSIM, o mesmo, o IDIOTA DO REPÓRTER (desculpe a indignação), em retalhação a família e mãe, continuou com as calunias e difamações. A Rede Record tem que punir exemplarmente tais fatos, pois não se trata de mero erro, mas de um grave processo de calunia e difamação. POIS, os pais são funcionários públicos, a mãe (é professora), o pai (CELG), ambos estão perto de se aposentar. FALAR DO BRUNO, menino estudioso (estudou no colégio militar) é funcionário de empresa terceirizada na CELG, faz faculdade de Educação Física.
ENTÃO, pedimos a REDE RECORD, rever seus conceitos quando para contratar esses REPÓRTERES SENSACIONALISTAS (chamados de porta de cadeia), que não respeitam as dores das pessoas. Peço que a Record vá atrás da verdade - verifique documentos deles - e faça uma retratação em Rede Nacional, porque não vamos deixar passar em puni o desleixo, a mal conduta, o desrespeito, a imprudência de colocar em uma transmissão a mentira e calunia nesta hora de dor. Não pode ser tão fácil denegrir as pessoas que não podem se defender (o BRUNO acabara de falecer naquele instante), mas lembrem-se que elas também tem famílias, que podem defende-las. SOMENTE PEDIMOS QUE RESPEITEM SEU PRÓXIMO, isto é obrigação desta emissora. 
Eu sou tia do Bruno com muita honra e orgulho.

A mãe de Bruno,  Natalia Maria Borges se manifestou sobre o assunto, mostrando sua indignação.

Bruno era músico e Estudante na Universo
EU COMO MÃE DO BRUNO BORGES SOUSA AGUIAR, DEIXO AQUI A MINHA INDIGNAÇÃO COM A REDE RECORD, EM RELAÇÃO A MATÉRIA VEICULADA NO DIA 21/09/2013 NO PROGRAMA BALANÇO GERAL ONDE O APRESENTADOR OLOARES NOTICIOU QUE MEU FILHO E UM MARGINAL, FUGITIVO ETC, MEU FILHO UNIVERSITÁRIO, MUSICO, FUNCIONÁRIO DA EVOLUT PRESTADORA DE SERVIÇO PARA CELG, EX ALUNO DA ESCOLA MILITAR, EX ALUNO DA UFG, ATUALMENTE CURSANDO EDUCAÇÃO FÍSICA NA UNIVERSO, NÃO LEVA NENHUMA CARACTERÍSTICA DE MARGINAL. NÃO SE PODE COLOCAR UMA REPORTAGEM DESTA SEM SABER A VERACIDADE DOS FATOS E DENEGRINDO A IMAGEM DE UMA PESSOA. DEIXANDO ASSIM A FAMÍLIA A MERCE DE COMENTÁRIOS MALDOSOS. E PRINCIPALMENTE NÃO RESPEITANDO A IMAGEM DE MEU FILHO. QUEM C0NHECEU O BRUNO SABE MUITO BEM DE QUEM ESTAMOS FALANDO. PESSOA ALEGRE, COMUNICATIVA, EMPENHADO COM SUAS OBRIGAÇÕES E MUITO AMIGO

Oloares precisa tomar cuidado com o que fala. Ele alcançou um estágio de popularidade e credibilidade que não permite que cometa este tipo de erro absurdo. 

Falo como amigo que sempre defendi suas causas e a muito tempo torço para seu sucesso. Quanto maior a audiência, maior deve ser a responsabilidade e o zelo pela informação correta. Errar todos estamos sujeitos ao erro. Reconhecer o erro e ter humildade para pedir desculpas,  não vai diminuí-lo como apresentador, pelo contrário, vai enobrece-lo como ser humano.

Faça isso Oloares, não pelas pessoas que gostam do seu trabalho, mas sim pelo ser humano que você é, e, por justiça com a família do jovem morto.

9 comentários:

  1. Boa tarde..

    Longe de querer defender o Jornalista Oloares, pois, também tenho minhas críticas em relação a ele.
    Tempos atrás, o vi comentando sobre reality show, e sem pensar ele estava iniciando uma crítica sobre esse tipo de programa. De repente ele foi mudando o tom, (imagino que alertado pelo ponto, visto que a emissora que ele trabalha se empenha muito nesse tipo de programa, no caso "a fazenda") e ai começou a mudar o discurso, dizendo que era diversão etc etc e correu da raia. Achei que essa situação não é de um jornalismo tão independente como ele cita sempre. Mas no geral ele até tem uma porcentagem até boa dessa tal independência/imparcialidade.
    Como não é o caso deste blog que também acho que fica longe de ser imparcial. Visto que vê o governo como sempre bom e sempre certo em tudo, além de ampla divulgação do mesmo, e a oposição sempre errada em tudo. Cá entre nós, (simples eleitores e no meu caso até sem defender/apoiar partido algum), achar que não existe nada a ser criticado nesse governo ou seja o governo que for, é uma coisa impossível neste país. Pois existem erros e também acertos em qualquer tipo de governo.

    Quanto a esse caso do Olares, ao meu ver ficou claro que a informação que foi passada para o jornalismo da Record, foi feita pela polícia. Sendo que essa foi traída por um homônimo da vítima(que constava nos arquivos) do lamentável acidente, além de que o carro do mesmo havia sido roubado e não foi dado baixa no sistema da Polícia. Então foi uma sucessão de problemas/situações que acabou levando a polícia a dar uma informação que não era a correta. Mas até entendo isso, pois quem não erra de vez em quando? E não me lembro que isso ocorra com frequência entre a informação da polícia com a imprensa. Sinceramente, foi um erro, mas um caso isolado.
    Vi inclusive o próprio Coronel da PM pedindo desculpas sobre esse fato, o que torna a explicação do Olares convincente. Ora, se ele pega uma informação da PM que querendo ou não, é uma instituição com credibilidade, como é que ele iria imaginar uma situação desta?? Será que queriam que Oloares entrasse lá dentro da PM, entrasse nos computadores, documentos só para depois comentar o fato???? Claro que isso não tem condições.
    Nem o Olaeres e nenhum outro veículo de comunicação do mundo, estará livre de que possa ocorrer um fato como esse. Espero que a família da vítima possa entender, mesmo em um momento difícil desse, e tentar entender o lado da polícia e do jornalismo da record.Aceitar as desculpas e tentar ver a situação de outra forma. Foi lamentável, mas sem qualquer intenção, ao meu ver, tanto por parte da PM quanto do Oloares..
    Na minha opinião, esse fato poderia ser visto diferente do enfoque que foi dado nesta matéria.

    Boa tarde a todos.

    ResponderExcluir
  2. Não conheço esse senhor e nunca vi tal programa, mas pra não cometer injustiça, fui ver alguns vídeos dele no youtube, principalmente da época das greves da polícia e dos professores. É uma pessoa totalmente parcial, governista, sem opinião. Sobre o título da matéria, discordo de vc. Acho que o maior erro desse tal Oloares foi ter nascido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e fácil falar por conclusões tiradas assim facilmente, então não venha dizer algo que você não tem conhecimento ele apenas nao se omite igual a maioria dos brasileiros para que mantenha uma boa aparência
      com seus superiores.

      Excluir
  3. Eu vi a reportagem e fiquei indignada com os adjetivos caluniosos empregados por este bem na abertura do programa.Ele chegou a pronunciar a palavra "bandido" por duas vezes.Acredito que deva ser punido legalmente e profissionalmente, tendo em vista o desrespeito com a vitima e sua família

    ResponderExcluir
  4. Esse tal de CREIO NA JUSTIÇA..de imparcial num tem nada . Tenho certeza que vc trabalha pra o Oloares ...pelas suas afirmações: já ouvou dizer que qdo não se tem nada a falar é melhor ficar calado. Fica quietinho então poruqe num foi um parente de bem seu que morreu. Misturando politica com o assunto....nada a ver. Pedir desculpas e enterrar um filho com fama de bandido é facil né? O nosso pedido de desculpas será feito diante da justiça poruqe não foi a voz do coronel que ouvimos pronunciar as afrontas, foi a voz do oloares. Palavra dita não se pode engolir de volta. Pensa nisso vc também antes de falr qualquer coisa. somos uma familia de índole e caráter palavras que provavelmente defendendo-o tanto vc desconheça. Esse mundo está tão sem amor que a única coisa que ainda podemos defender é o nome da gente. Estamos apenas defendo o nome de quem naquele momento falecido não pôde se defender. Não temos qualquer ligação com política , a nossa ligação é sim com a justiça. Homônimo...? Não deu baixa no sistema ? que sistema ? Aquele mesmo que o mesmo Oloares leu um e-mail de um rapaz dizendo que esta impossibilitado de andar no carro dele que havia sido roubado e que ainda não havia conseguido dar baixa no tal "sistema" quando recuperou o veículo... é aquela expressão que sempre fica: "todo mundo agora tirando oseu da reta". Ele (Oloares) fala tanto que o poder publico fica jogando as responsabilidades que tem com o povo de uma instituição pra outra só pra não resolver...engraçado agora como estão fazendo exatamente o mesmo....

    ResponderExcluir
  5. Não é a primeira vez que o Jornalista Oloares faz esse tipo de comentário, pelo menos desta vez a outra parte está sendo ouvido , e as pessoas que não tiveram a oportunidade de se defenderem? O caso da Enfermeira mesmo do Cais Garavelo ele não mostrou a real situação...

    ResponderExcluir
  6. Este apresentador necessita rever seus conceitos de repórter, a única coisa que ele faz é denegrir a imagem do ser humano, conheço o Bruno desde quando ele era criança. e desde essa época, vejo tal repórter sensacionalista denegrir e agredir a imagem de várias pessoas. Ele precisa sim, ser punido pelo ministério público e aprender a respeitar a vida alheia. Fica aqui minha indignação.

    ResponderExcluir
  7. Esse Oloares Besteira só sabe defender o Marconi Perigo e criticar outros partidos. Engraçado, quando acontece algo no governo do Estado de Goiás, ao invés de esse "apresentador" criticar o mesmo governador, ele critica o secretário do mesmo, e com o prefeito de Goiânia, esse Oloares critica diretamente ao prefeito. Depois, vem falar de imparcialidade...
    Coloquei como anônima, pq não sei colocar de outra maneira... Meu nome é Meire Alves.

    ResponderExcluir
  8. é deprimente ver que esse tipo de programa chamado de "jornalismo" cada vez ganha espaço na tv, sou louco por noticias as vezes por falta de opçao coloco record, mas ,sao tao baixos e sensacionalistas que nao suporto e troco de canal ,esse oloares e o outro ,alisson, dizem tanta bobagem e as vezes esbravejam outras ezes choram,tudo pra ganhar a audiencia e o foco da noticia sempre é desviado qndo vao ler os recados via tablet,parece um show de humor nem zorra total é tao divertido,o oloares só le os que primeiramente fazem elogios ele ,e fazendo caras e bocas da um sorrizinho e diz: aqui n posso ler no ar nao viu rsssssss,e no estudio funciona uma feira onde o proprio aprezentador anuncia coisas (axo que sao esses produtos anunciados que pagam seus salarios)é por essas e por mtas outras que quase nao vejo essa emissora, pq a linha deles é essa e esse programa e feito em serie e os apresentadoores sao apenas bonequinhos (marionetes) e se eles se negarem a fazer esse tipo de coisa colocam outros no lugar,e parece que em varias partes do pais o programa tem o msmo formato eo muda nem o nome,mas infelismente só o que podemos fazer é mudar de canal.

    ResponderExcluir