Ministério Agricultura

segunda-feira, 20 de março de 2017

Marconi e ministro Osmar Terra afirmam que Goiás terá mais uma forte ação social ao aderir ao programa Criança Feliz



Ministro disse que Goiás consolidou seu papel social e que programas do governo estadual se somarão ao Criança Feliz

Marconi assinou adesão ao programa, que vai atender a 96 cidades goianas

O governador Marconi Perillo assinou, na tarde de hoje, em evento na sede do Tribunal de Contas do Estado (TCE), termo de adesão ao programa Criança Feliz, do governo federal. Durante a solenidade, ele e o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, ressaltaram que os programas sociais existentes em Goiás auxiliarão o Criança Feliz, que consiste no acompanhamento multidisciplinar de crianças carentes cujas famílias são beneficiárias do programa Bolsa Família.

“Goiás tem uma tradição nessa área social muito forte, com programas que certamente vão nos auxiliar. Queremos que todos os municípios tenham, em pouco tempo, o trabalho de acompanhamento semanal em casa de todas as crianças filhas dos beneficiários do programa Bolsa Família”, ressaltou o ministro. O governador Marconi, por sua vez, destacou os programas sociais do governo estadual que têm foco na primeira infância, assim como o Criança Feliz.

“Temos o Meninas de Luz, voltado a adolescentes grávidas; o Criança Cidadã, que já construiu mais de 100 creches em todo o Estado em parceria com os prefeitos, e o programa Goiás Mais Competitivo e Inovador, que está focando em parceria com os prefeitos a viabilização de vagas para combater o déficit nas escolas de educação infantil principalmente”, endossou. 
O Criança Feliz é um programa de acompanhamento semanal domiciliar das crianças com até três anos de idade, feito por profissionais qualificados, que farão avaliação médica, pedagógica e psicológica. O ministro Osmar Terra disse que o objetivo é dar suporte ao desenvolvimento humano das crianças e compensar as desigualdades sociais. “Para que essas crianças possam chegar às escolas em melhores condições, se desenvolverem melhor, e poderem ajudar futuramente suas famílias a saírem da pobreza. Pesquisas mostram que é nos primeiros mil dias de vida que se organiza a competência humana. E uma criança pobre sempre está em desvantagem em detrimento da oportunidade de estímulos que tem uma criança de classe média ou rica. Vamos procurar compensar isso. É um programa para diminuir as desigualdades”, disse. Segundo ele, o governo federal deve investir R$ 400 milhões na execução do programa.

Marconi elogiou o objetivo do programa, e disse que o Governo de Goiás se dispõe a auxiliar com os programas sociais estaduais e com todas as ações necessárias para a plena execução do Criança Feliz. O governo federal vai repassar recursos para o Estado investir em capacitação, mobilização e coordenação do programa. O governador também assinou decreto para estabelecer Cofinanciamento da Assistência Social com todas as prefeituras goianas.

Secretária Cidadã, Lêda Borges destacou que Goiás é um dos primeiros estados a ser atendido graças ao seu comprometimento com o setor social. “Goiás se destaca mais uma vez por suas ações sociais pioneiras, modelo para todo o País”, disse. O governador elogiou, por fim, a escolha do ministro pelo ex-secretário estadual de Saúde de Goiás Halim Girade para auxiliar o ministério na execução do programa.
Participaram do evento também a primeira-dama Valéria Perillo, que é madrinha do programa em Goiás, e o vice-governador José Eliton, além de secretários estaduais, deputados e outras autoridades.  

Agetop divulga calendário 2017 do Autódromo de Goiânia

Depois de três meses de recesso, o ronco dos motores está de volta ao Autódromo de Goiânia. A Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) divulgou hoje (20/03) o calendário para a temporada 2017 com extensa programação de competições regionais e nacionais. O lançamento da nova agenda aconteceu na praça esportiva, com a presença do presidente da Agência, Jayme Rincón, organizadores das competições automobilísticas e pilotos.

Durante o ano, estão previstos 27 eventos, com provas de carro, moto, maratonas de atletismo e ciclismo. Os amantes de velocidade terão a oportunidade de acompanhar etapas de grandes torneios nacionais como Stock Car, Porsche Cup e Rally dos Sertões. No cenário regional, o Autódromo receberá competições como Marcas e Pilotos, KM de Arrancada e Goiás SuperBike.

Segundo o presidente da Agetop, Jayme Rincón, o Autódromo também está preparado para receber campeonatos internacionais. “A praça esportiva se destaca em relação aos outros estados. Pela qualidade da nossa pista, buscamos constantemente promotores de competições como a Nascar que deve vir à Goiânia até o próximo ano”, disse.

O presidente informou ainda que o órgão trabalha para transformar o Autódromo em um centro poliesportivo para atender a todos os esportes a motor. Ele ressaltou também a importância do automobilismo para o crescimento da economia goiana, pois atrai investimentos, gera empregos e contribui na ocupação da rede hoteleira. “Ao receber eventos de diversas modalidades esportivas, o Autódromo é um celeiro de talentos do esporte e uma excelente opção de lazer para o goianiense”, salientou. 

Para manter a praça esportiva em boas condições, a Agetop realiza constantemente serviços de conservação como melhorias na sinalização da pista, pintura no prédio dos boxes e construção de rampas de acesso para portadores de deficiência física. Com 3,8 quilômetros de extensão, o circuito é referência em qualidade e segurança no País. Pilotos de diversas categorias elogiam o traçado, como Bochecha, do Campeonato Centro-Oeste de Marcas e Pilotos. Para ele, o Autódromo de Goiânia é atualmente o melhor do Brasil.




Crédito da foto: Comunicação Setorial da Agetop 

Polícia Civil apresenta dupla suspeita de homicídio contra casal de namorados


Crime foi motivado por ciúmes e roubo de arma. Rapaz levou três tiros sem chances de defesa e ex-namorada foi morta porque testemunhou assassinato


A Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), apresentou nesta segunda-feira (20/03), Janderson José Barros de Souza, 20 anos, e Murilo Henrique Lopes de Souza, 18. Os dois confessaram a participação na morte do casal Andressa Marçal, 16 anos, e Uenio Leite da Silva, 25, em um apartamento no Setor Chácaras Retiro, região norte de Goiânia. Eles foram presos no dia 8 de março, em Goiânia. Anderson Guedes da Silva, 19 anos, suspeito de conduzir os dois presos até o local do crime, se encontra foragido.

Segundo a polícia, eles premeditaram a morte de Uenio dois dias antes do crime, durante um churrasco, em que as vítimas chegaram a participar. Na quarta-feira de Cinzas (1º/03), o trio foi até a residência da vítima para a execução do crime. 

Eles sabiam onde encontrá-lo, pois o apartamento era local de convívio comum dos envolvidos e funcionava como espaço para festas e uso de drogas”, explica o delegado responsável pelo caso, Marcos Aurélio Eusébio. 

“Anderson ficou no veículo e Murilo subiu com uma pistola .40, emprestada por Janderson, e encontrou a porta destrancada. Ao adentrar o local, efetuou três disparos na região do rosto de Uenio. Andressa presenciou o crime, e foi alvejada com dois tiros nas costas”, esclarece. 

Na sexta-feira, após o homicídio, a polícia já tinha provas de quem eram os criminosos, já que mais de 10 pessoas confirmaram a participação dos suspeitos no crime. Após serem presos, eles relataram os conflitos com Uenio, que havia se tornado um sujeito agressivo, despertando a ira de vários ex- amigos.

Anderson chegou a ser preso pela polícia por tráfico de drogas, mas foi liberado em audiência de custódia. A Polícia Civil possui um mandado de prisão expedido contra ele, que passou a ser considerado cúmplice no homicídio do casal.

Janderson namorou Andressa por cerca de um ano. Quando Uenio começou a se envolver com a adolescente, eles romperam a amizade e iniciaram uma rixa. Murilo também tinha desavença com Uenio, pois teve um revólver calibre 38 roubado por ele. “O crime foi cometido por uma junção de fatores. Foi quando se uniram e planejaram a morte do rapaz”, finalizou o delegado.


LEGENDA PARA FOTOS: POLÍCIA CIVIL


Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios da Polícia Civil durante apresentação de Janderson José Barros de Souza, 20, e Murilo Henrique Lopes de Souza, 18: os dois confessaram participação na morte do casal Andressa Marçal, 16, e Uenio Leite da Silva, 25, em um apartamento no Setor Chácaras Retiro, região norte de Goiânia

Marconi nomeia Francisco Gonzaga Pontes para comandar a Secretaria do Desenvolvimento Econômico

Governador dará posse ao novo secretário nesta terça-feira, às 14 horas, no Auditório Mauro Borges, junto à apresentação do Novo Banco do Povo
 O empresário Francisco Gonzaga Pontes é o novo titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Científico e Tecnológico e de Agricultura, Pecuária e Irrigação (SED). Membro da Associação Comercial e Industrial de Anápolis (Acia), o novo auxiliar foi anunciado na tarde desta segunda-feira (20/3) pelo governador Marconi Perillo, e a mudança compartilhada em primeira mão com os seguidores da página do Governo de Goiás no Facebook (www.facebook.com/governodegoias)
Empresário do setor metalúrgico, Pontes substitui a Luiz Antônio Faustino Maronezi, que comandava a SED desde 12 de julho do ano passado. Com a nomeação de Pontes, Maronezi retorna para a Superintendência-Executiva da Pasta. O governador empossará o novo secretário às 14 horas desta terça-feira, dia 21 de março, na mesma solenidade em que será apresentado o Novo Banco do Povo.
A Secretaria de Desenvolvimento Econômico cumpre papel estratégico na coordenação e estímulo ao crescimento do Estado. Atua na formulação e execução das políticas e programas de fomento às atividades industriais, comerciais, de mineração, exportação, turismo e administração dos distritos agroindustriais. É da competência da SED ainda o acompanhamento dos programas de financiamento ao setor produtivo do Centro-Oeste, a política agrícola, de regularização fundiária, aquicultura e pesca, e a execução da política de ciência, tecnologia e inovação.

Currículo
O empresário Francisco Gonzaga Pontes (60 anos de idade), com formação em Economia, é natural de Bela Vista de Goiás e possui grande experiência nas áreas de vendas e metalurgia. Reside em Anápolis, onde, desde 2002, é proprietário da Pontes Indústria Metalúrgica, situada no DAIA. Antes, porém, trabalhou em outras empresas do ramo.
Com considerável experiência internacional, viajou por vários países trabalhando e conhecendo a cultura e a economia. Trabalhou também como consultor financeiro de empresas. Foi presidente do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas de Anápolis e Conselheiro do Senai. Atualmente é Diretor da ACIA para assuntos do DAIA.

Milton Mendes Assume o Comando do Vasco

Anunciado no domingo (19) à noite, o técnico Milton Mendes assumiu o comando do Vasco nesta segunda-feira (20) no lugar de Cristóvão Borges. E, ao ser apresentado oficialmente, o treinador de 51 anos fez elogios ao clube e ao elenco do time e admitiu que treinar a equipe carioca será o "maior desafio" de sua carreira.

"Agradeço ao presidente por esta oportunidade de estar no Vasco. A felicidade é enorme. É o maior desafio da minha carreira como treinador", disse Mendes, na entrevista coletiva concedida ao lado do presidente Eurico Miranda.

O novo treinador do Vasco não poupou elogios ao clube.

"Estou muito feliz com a estrutura que encontrei aqui em São Januário. Conheço a equipe. Tem bons jogadores e um potencial enorme. E vamos procurar fazer com que essa equipe renda um pouco mais. Existem sim jogadores mais novos e mais velhos, melhor, menos novos. Isso dá um tempero especial para a equipe."

Milton Mendes pediu disciplina e comprometimento aos seus futuros comandados.

"Eu sou um treinador que gosto da disciplina. Comprometimento, organização e disciplina são pontos importantes no trabalho", avisou o técnico.

Ele aproveitou a oportunidade para pedir o apoio da torcida nesta Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca.

"O torcedor é extremamente importante para mim. Tão importante quanto os jogadores. Sei que eles irão nos apoiar", convocou.

Mendes vai substituir Cristóvão Borges, que foi demitido após a queda do Vasco na Copa do Brasil. No fim de semana, o time foi comandado pelo ex-jogador Valdir Bigode no clássico com o Botafogo que terminou sem gols.





Lista de Janot espalhada nas redes sociais é falsa

Circula pelas redes sociais uma relação com nome de políticos, divididos por cargos e partidos, atribuída ao Congresso em Foco como se fosse a nova “lista de Janot”. Esta lista não existe e se trata de uma manipulação, esclarece o site Congresso em Foco.
Para evitar confusões e distorções, o  site esclarece: os mais de 80 ministros, governadores, deputados federais e senadores mencionados no arquivo são aqueles que aparecem nos documentos apreendidos na casa de um dirigente da Odebrecht.
Nem todos eles serão, necessariamente, investigados. Como ainda é mantida sob sigilo a segunda lista de políticos que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, quer investigar, não há confirmação de quantas dessas autoridades terão de responder ao Supremo (caso de parlamentares e ministros) ou ao Superior Tribunal de Justiça (situação dos governadores), como deixava claro a reportagem que publicamos no último dia 16.
Os nomes que circulam principalmente pelo WhatsApp foram extraídos de uma relação que apontava mais de 300 políticos, com os respectivos valores, em planilhas apreendidas com Benedicto Barbosa Silva Junior, ex-presidente da Odebrecht Infraestrutura.

FIFA Bane Árbitro Que Teria Manipulado Resultado na Eliminatória da Copa do Mundo de 2018

Nesta segunda-feira (20) a FIFA anunciou uma dura punição ao árbitro ganês Joseph Lamptey, que errou ao marcar um pênalti em duelo entre Senegal e África do Sul, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018. O árbitro nunca mais poderá apitar uma atividade esportiva.

A FIFA não entrou em detalhes, somente relatou a investigação que acusa o árbitro de ter manipulado o jogo. Em nota, a entidade ainda afirma que tem "tolerância zero" com manipulação de resultados e que está comprometida com a proteção da integridade do futebol. O ganês ainda pode recorrer à Corte Arbitral do Esporte 

O caso aconteceu em novembro de 2016 na partida entre Senegal e África do Sul, onde aos 42 minutos do segundo tempo o juiz marcou pênalti para a equipe da África do Sul. Após cruzamento da direita, o zagueiro Kalidou Koulibaly, do Senegal, dominou a bola com o joelho e fez o corte para a linha de fundo. Lamptey, porém, surpreendeu os dois times ao marcar pênalti, apontando que o defensor havia tirado com a mão. A África do Sul em seguida marcaria o segundo gol, vencendo por 2 a 1 em casa e assumindo a vice-liderança do Grupo D. Senegal aparece com três, em terceiro.

União Europeia barra importação de carne brasileira

Em anúncio feito nesta segunda-feira, Comissão Europeia afirmou que negará a entrada de produtos de empresas envolvidas em escândalo de carne na União Europeia. Mais cedo, o governo da Coreia do Sul resolveu proibir temporariamente a comercialização de frango da BRF, responsável pelas marcas Perdigão e Sadia.

Os Brasileiros Promovem e Fazem Piada Com a Desgraça do Brasil


fazer piada com a própria desgraça é uma caracterisca do povo brasileiro, mas não tem  graça nenhuma em promover a própria desgraça. É isso que está acontecendo com a Operação carne Fraca designada pela polícia federal que atuou no caso com extrema irresponsabilidade, sem conhecimento técnico e promoveu um prejuízo anual que pode chegar a 
US$ 15 bilhões de dólares segundo levantamento inicial. China, Coreia e Chile já suspenderam a importação da carne brasileira.
Sem noção do que realmente está acontecendo e sem nenhum critério técnico, pessoas fazem piadinha como se o problema não as atingissem, mas vai atingir e provocar uma nova crise no país assim como a vivida pela operação lava jato. Quem hoje acha graça amanhã pode sofrer as consequências da desgraça que dissemina.
Vamos analisar, com muita cautela e atenção, esta notícia polêmica em relação a CARNE BRASILEIRA, veiculada nas mídias de TV, Jornais e Redes Sociais. 

Vejamos alguns dados reais da situação apurada pela polícia federal na operação Carne Fraca: 

a) Foram dois anos de investigações em praticamente todas as plantas frigoríficas do país, para chegar a 21 unidades não conformes entre 4837 (menos de 0,5% do total) e 33 funcionários envolvidos nas fraudes entre 11.000 (0,3% do total). 

b) Depois de 2 anos de investigação, concluiu-se que 99,5% DAS UNIDADES FRIGORÍFICAS ESTÃO DENTRO DOS PADRÕES DE SEGURANÇA.

c) Após toda a investigação, viu-se que 99,7% DOS FUNCIONÁRIOS DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, NÃO COMETERAM NENHUMA IRREGULARIDADE.

Protejam o seu país, não veicule mensagens que tragam prejuízo à imagem do Brasil, apenas porque receberam um post ou mensagem de WhatsApp ou assistiram os telejornais em suas TV's. Na maioria das vezes é um desserviço ao seu país.

Nova Bomba Faz Goiás Esporte Clube Virar Caso de Polícia

Nos últimos anos as notícias do Goiás podem ser encontradas tanto nas páginas de esportes dos jornais como nas páginas policiais. O torcedor do Goiás havia até se esquecido do caso da Luppi e da dívida milionária com JF Esportes do empresário Renato Padilha,  cuja ação de execução está na Justiça e os valores atualizados superam 100 milhões de reais. 

Pois bem, esta semana as estruturas do Goiás será novamente abalada com um escândalo que virou caso de polícia, envolvendo um dirigente do clube e um empresário de futebol.

O blog já tem em mãos o comprovante bancário do caso que está sendo objeto de investigação da polícia civil.