Ministério Agricultura

domingo, 20 de maio de 2018

Mensagens no WhatsApp Afirmam Que Facção Criminosa Bala na Cara Executou Paolla Avaly Corrêa

A fação criminosa denominada "Bala na Cara" foi a responsável pela morte de Paolla Avaly Corrêa de acordo com relatos em grupos de whatsapp,  com mensagens trocadas por membros facção. 

As mensagens já estão em poder do diretor do departamento de Homícidio e proteção a pessoa, delegado Gabriel Bica, no entanto quem está presidindo o inquérito é   a delegada   Tatiana Bastos da Delegacia da Mulher de Porto Alegre   que ainda não se pronunciou oficialmente sobre as investigações.

As mensagens deixam a entender que Paolla foi executada por causa de rixa entre fações criminosas. O uso excessivo de gírias impedem uma interpretação do texto de forma limpa.



Acompanhe o relato das conversas, onde eles começam falando da morte da Paolla.

- Sério
- Eu sei
- Que merda
-Ahaa
- Paolla
- Dava pra mim pá oto gurizão ale do taba dps começou tava pá i vê gurizão no sistema.
 Deu mole os nego agarraram
BA mãe dela era tri dasminha

As mensagens deixam a entender que Paolla estava se relacionando com duas pessoas de uma facção, rival da facção bala na cara. O relato diz que ela começou a se envolver com um membro da facção dos bala na cara que tava preso e começou a fazer leva e traz e isso teria despertado a fúria da fação bala na cara que ordenou a execução dela.















Leia também:  Polícia do Rio Grande do Sul Prende Duas Pessoas  e Apresenta Versão Cheia de "Furos" Sobre a Execução de Poalla Avaly Corrêa http://bit.ly/2IV9gUx

Um comentário:

Anônimo disse...

Essa mensagem que eu ja havia visto no face dela que comentaram la, foi dificil de entender, mas esta bem claro depois que consegue decifrar as girias tudo o que rolou.
Li varias vezes e consegui entender muito bem o que os caras disseram ai. Eles relataram ate o sequestro dela.